Publicado em 26 de julho de 2016 às 11:59

Telefonia: O que pode ocorrer quando a conta não é paga?



Imagem: Internet
Conforme o site do Educa Procon de São Paulo, em caso de inadimplência nos serviços de telefonia (fixa e móvel) existem algumas regras antes de interromper o serviço. Confira quais são as regras da Anatel (Agência Nacional de Telecomunicações)sobre o tema:

 
Notificação e suspensão parcial
Em caso de atraso no pagamento da fatura, a operadora deve notificar o consumidor e 15 dias após notificação poderá suspender parcialmente o serviço. Com a suspensão parcial, o consumidor poderá apenas receber chamadas (menos a cobrar) e ligar para serviços de emergência (bombeiros, polícia, serviços de resgate, por exemplo).

Baixe o aplicativo para celulares com sistema Android do H1 News, clique aqui e faça o download

 
Suspensão total
Após 30 dias do início da suspensão parcial, a operadora pode suspender totalmente os serviços. Com isso o consumidor deixará de fazer ou receber chamadas.

 
Rescisão do contrato
Após 30 dias da suspensão total,a prestadora poderá rescindir o contrato. 

 
Restabelecimento do serviço
Se o consumidor pagou os valores atrasados, antes da rescisão, o serviço deve voltar a funcionar normalmente em 24 horas, a partir do conhecimento da quitação do débito ou da inserção de créditos.

 
Atenção! Essas regras também são válidas para a telefonia pré - paga, caso o consumidor não recarregue os créditos.

 
CURTA O H1 NEWS NO FACEBOOK, SIGA NO TWITTER E NO INSTAGRAM

 
O Procon de Guararapes fica na Rua Armando Sales de Oliviera, 486 – Centro e realiza somente atendimento pessoal, de segunda a sexta-feira, das 9h às 11h e das 13h às 16h.


Fonte: Educa Procon SP / Anatel





Mural

Mais notícias »

Publicidade






Inicial | Policial | Política | Esporte | Revista | Mural | Contato


Todos os direitos reservados - H1 News